Datas Família Finanças Meio Ambiente Mensagens Outros Pensamentos Relacionamentos Vídeos

Arrisque-se! Saia da sua zona de conforto

20/06/2016


Bom dia amigas e amigos!!

Está proibido não sorrir para os problemas, não lutar pelo que ama, abandonar tudo por medo, não transformar seus sonhos em realidade.” Pablo Neruda

Boa leitura...

Muitas vezes acreditamos que o destino, a sorte ou o azar, são os responsáveis pelo que nos acontece. Mas a verdade é que temos que aprender que somos responsáveis pelo nosso destino, que podemos mudá-lo, que podemos viver com liberdade e escolher entre as diferentes oportunidades que a vida nos oferece.

O que acontece é que, em muitas ocasiões, temos medo, nos dá vertigem mudar a nossa vida, mas temos que sair da nossa zona de conforto. Agarramo-nos ao ditado popular que diz “mais vale um pássaro na mão do que dois voando”.

Mas por que deveríamos nos contentar com este único pássaro?

Foi disso que o Psicólogo Senninger falou, em 2003, referindo-se às 3 zonas de aprendizagem que todos nós temos e que explicamos a seguir:

1. Zona de Conforto. É uma zona na qual nos encontramos sem medos. O restante é inferior aos nossos conhecimentos sobre a vida e sobre o viver, de forma que tudo é fácil e cômodo, nada nos assusta.

2. Zona de aprendizagem. Mesmo que não conheçamos bem essa zona, aos poucos, com experiência, podemos suportá-la. São pequenos desafios que a vida vai nos colocando e que vamos superando.

3. Zona de pânico. Ninguém gosta da zona de pânico. Com ela, vem o medo, a desconfiança, o risco, a incerteza, o perigo…

Talvez chegue um novo amor em nossas vidas, que nos encha de alegria, e que também nos assuste porque estamos em nossa zona de conforto com uma pessoa que conhecemos a vida toda, mas com a qual não somos realmente felizes; ou um novo trabalho que nos causa medo por diferentes motivos, mas que, em muitos casos, provavelmente seria melhor do que o que tínhamos antes, com o qual havíamos nos acostumados e no qual nos sentimos cômodos, porque ele não nos implica novos desafios.

Mas o que há de ruim na zona de conforto se estamos bem nela? É que, sem nos darmos conta, essa zona de conforto vai se transformando em uma prisão, e pode ser que em algum momento das nossas vidas nos perguntemos: “E se eu tivesse feito aquilo que eu queria tanto e não fiz por medo?”; “E se eu tivesse decidido escolher aquele trabalho ou começar uma relação nova?”.

Esse “e se”, muitas vezes, vai machucar nosso interior…

É bom, portanto, sair um pouco da nossa zona de conforto, já que isso pode nos dar grande alegrias.

Há mais vida por trás da zona de conforto. Às vezes, vivemos em uma jaula de ouro, mas se começarmos a voar como os passarinhos que saem do ninho, daremo-nos conta de que o mundo estava cheio de coisas boas e diferentes para nós.

Sentiremo-nos mais vivos e cada vez melhor quando ultrapassarmos esses obstáculos, que simplesmente por medo nos limitavam. Porque viver com medo, um medo que às vezes só está em nossa cabeça, pode condicionar toda a nossa vida e não nos deixar tão felizes quanto gostaríamos.

Como podemos sair da zona de conforto?

– Aprenda a desaprender respostas rápidas, enfrente-se, arrisque-se!

– Aprenda que os fracassos nos deixam desanimados, mas também são inspiradores e podemos aprender muito com eles.

– Sinta prazer quando começar a lutar pelos seus sonhos e dê passos cada vez maiores.

Enfrente a vida de forma criativa!

Por: Camila
site: a mente é maravilhosa
Veja também:
A vida é medida pelos momentos que nos deixam sem ar
Como respondeu?
Conclusões de Aninha
A pedra no caminho
Dois Lobos
0 comentários para "Arrisque-se! Saia da sua zona de conforto"

Deixe seu comentário
   
  * Obrigatório
Seu nome:*
E-mail:*
Cidade:*

Mensagem:*

caracteres:
  Captcha

   
   
   

Administração do Portal