Datas Família Finanças Meio Ambiente Mensagens Outros Pensamentos Relacionamentos Vídeos

Convite ao perdão

03/06/2011


Olá amigos!!

Venho novamente falar do perdão, algo tão importante e que pode mudar nosso mundo. Se as pessoas conseguissem usar o perdão muita coisa seria diferente.

Vamos refletir!!

Francisco Cândido Xavier foi um homem que viveu semeando a palavra do Cristo. Através das suas atitudes, pregou a paz e ensinou a caridade. Sua vida foi um exemplo de conduta cristã.

Médium, viveu por noventa e dois anos, foi desprezado por muitos e durante sua vida sofreu ofensas e insultos, tendo passado imune a tudo.

Em uma de suas muitas frases que ficaram registradas, ele disse:
"Graças a Deus, não me lembro de ter revidado a menor ofensa que sofri, certamente objetivando, todas elas, o meu aprendizado. E não me recordo de que tenha, conscientemente, magoado a quem quer que fosse."

Esta frase nos faz refletir sobre a forma como agimos diante das ofensas que sofremos. No cotidiano, nos deparamos com situações que põem à prova a nossa conduta.

São os olhares de desprezo ou de inveja. As palavras que ferem, humilham, magoam. As indelicadezas e os gestos que perturbam e ofendem.

São também as atitudes contínuas de omissão, de abandono dos deveres, ou de opressão, que acontecem entre irmãos, casais, pais e filhos, que vão se somando e se transformando em imensas mágoas.

É comum vermos famílias desestruturadas pelo cultivo da raiva, do rancor e da indelicadeza. Enfim, vemos com frequência, relações se esvaindo pela ausência do perdão.

Seja qual for a gravidade do ato infeliz que nos atinja, enxerguemos o outro, que nos fere e magoa, como alguém que pode estar enfermo e precisando de ajuda.
E como escolhemos agir diante de quem nos ofende?

Quando procedemos da mesma forma que o outro, entrando na sua sintonia, revidando, seja com palavras ou com atitudes, estaremos deixando que o outro dite a nossa conduta.
Estaremos nos equiparando àquele que cometeu o gesto desequilibrado.

É certo que ficamos tristes quando alguém nos ofende, mas o que deveria mesmo nos entristecer, é quando somos nós os ofensores.

Trabalhar o perdão ao próximo, assim como o autoperdão, é um exercício diário que podemos nos propor. Todos nós somos capazes de perdoar.

Não nos esqueçamos de que, por diversas vezes, nós é que desejamos ser perdoados.
Temos que começar relevando e perdoando as leves ofensas, para que estejamos preparados, quando nos depararmos com situações mais delicadas que nos exijam essa virtude.

Perdoar também é doar. Ao perdoar estaremos doando entendimento, paciência, compreensão e o amor que purifica. O esquecimento das ofensas é próprio da alma elevada.

Mas o perdão não é o esquecimento do fato. Por vezes, torna-se difícil eliminar da memória uma atitude que tenha nos ferido.

Perdoar é cessar de ter raiva, é deixar de nutrir em nós o ressentimento pela pessoa que nos causou a dor ou o gesto infeliz que nos atingiu.

Perdoar acalma, liberta, traz paz e harmonia às nossas vidas.
O verdadeiro perdão é aquele que vem do coração e não dos lábios.
Façamo-nos hoje o convite para que deixemos que o perdão triunfe sobre a mágoa e o ressentimento.

Redação do Momento Espírita.

Queridos amigos!! Precisamos ter em nossa mente a importância do perdão! Como é abordado na mensagem perdoar não é esquecer algo, até porque certos fatos são difíceis de serem apagados. Mas, perdoar é acabar com a raiva, muitas vezes o ódio da pessoa que nos ofendeu. Perdoar faz bem pra alma e pro coração. E vocês amigos como vêem o perdão em nossas vidas?

Aguardo opiniões
Um forte abraço!!
Velho Sábio!!
Veja também:
A importância do entusiasmo
Usando a criatividade
Uma historia de determinação
Marcas de expressão
Dicas para se viver entusiasticamente
9 comentários para "Convite ao perdão"

19/06/2011  19:49:51
Enviado por nátaly oliveira
o perduar é realmente muito dificil,
eu raramente perdoei alguem por ter mim magoado,as avezes deve ser por medo de ser magoada novamente sei la,
mas quem sabe com essa mensagem eu aprenda uma lição num é mesmo

19/06/2011  12:36:20
Enviado por andreia alice
Suas mensagens são ótimas, obrigado pelo grande momento de reflexão em minha vida.

09/06/2011  19:34:43
Enviado por edenilse
o perdão habita dentro de mim, pois percebo que quando recebo uma calunia,injuria ou algo que o valha aconselho-me: Se você está recebendo tal feito é porque merece talvez você já tenha feito isso com alguem então perdõe. As vezes penso que sou maluca pois não consigo sentir nenhuma aversão as pessoas que me fazem mal, comento com naturalidade e esqueço e quando tenho a oportunidade de ficar proximo a pessoa que cometeu tal ato a minhha atitude é de indiferença vejo que é um ser merecedor de compaixão, pois é o que necessitamos. Somos seres doentes!

06/06/2011  08:58:58
Enviado por Salete Dourado
Perdoar é realmente muito difícil,pricipalmente quando a pessoa que nos magoa não reconhece que o fez e não pede perdão. Um abraço.

05/06/2011  00:46:02
Enviado por janaina
EU PRATICAMENTE GRACAS A DEUS NAO GUARDO RANCOR DE NINGUEM, PESSOAS ME MAGOA FAZ E ACONTECE MAS EU SEMPRE PERDOU, NAO CONSIGO TER RAIVA DE NINGUEM POR MIS QUE EU TENTE NAO CONSIGO E AGRADECO ADEUS POR SER ASSIM.

04/06/2011  23:20:44
Enviado por jacielly
esta presimo de comselos velho sabio

04/06/2011  00:33:01
Enviado por janaina rodrigues da silva
gosto muito das suas mensagens,elas me estimula quando estou pra baixo me poem pra cima pra mim e um estimulo pra vida as vezes mim sinto desanimada so ler suas mensagens eu mi animo.

03/06/2011  20:23:46
Enviado por Roberto
O poder que está no perdão e no amor é um remédio muito eficaz, que faz um bem enorme. Está ao alcance de cada um de nós. Todos nós cometemos erros, quem é santo está no altar. O importante é perdoar não só os outros como também a nós mesmos, tentando crescer e aprender com nossos próprios erros, tentando nos livrar, na medida do possível, do perfeccionismo. Por outro lado, devemos viver a vida de maneira satisfatória, saboreando os bons momentos, com liberdade, mas penso que temos que tomar cuidado para saber até onde podemos ir, sabendo discernir a liberdade propriamente dita, da liberdade exagerada, sem direção e responsabilidade.

Liberdade significa: "Sei que posso fazer tudo, mas nem tudo me convém." A pessoa sabe que existem consequências associadas às suas ações.

Liberdade sem responsabilidade significa: "Sei que posso fazer tudo e não tentem impedir-me". É um ato de rebeldia egocêntrica e inconsciente.

Enfim, o amor e o perdão tudo alcança. É certo que para tudo existe o perdão e quem perdoa os outros e também a si mesmo, demonstra que ainda crê no amor. Falar ou escrever a respeito do perdão é uma coisa, agora outra coisa completamente diferente e mais difícil é aplicar na minha vida, porque nem sempre é o bastante perdoar e ser perdoado por alguém, tenho que aprender a perdoar a mim mesmo, as minhas atitudes impulsivas e impensadas.


03/06/2011  19:11:28
Enviado por rosangela
fui caluniada alvo de mexerico levantaram falso testemunho contra minha pessoa sem eu merecer sofri muito derramei muitas lagrimas mas jesus me ajudou pois ele sabia da minha inocencia e perdoei a todos .Como o senhor nos disse;eles nao sabem o ke fazem.E oro sempre por eles!

Deixe seu comentário
   
  * Obrigatório
Seu nome:*
E-mail:*
Cidade:*

Mensagem:*

caracteres:
  Captcha

   
   
   

Administração do Portal