Datas Família Finanças Meio Ambiente Mensagens Outros Pensamentos Relacionamentos Vídeos

O perdão do coração

14/12/2010


Amigos!!

O que será o real perdão? No dia de hoje trago uma mensagem que nos faz pensar sobre isso.

Reflitam!!

O mestre introduziu com perfeição as noções do verdadeiro perdão. Seus diálogos carinhosos com os discípulos pregaram por diversas vezes, a necessidade do verbo perdoar nas ações e pensamentos humanos.

Mas o que significa "perdoar"? Os dicionários de nossa língua definem como absolver, redimir, mas é este o verdadeiro perdão? Certamente que não. Precisamos aprofundarmo-nos um tanto mais para compreendê-lo.

O esquecimento do erro é a alma do perdão. Sem ele não podemos nos libertar das lembranças penosas, e das vinculações negativas com o próximo. Porém, cabe aqui um esclarecimento muito importante: não é a mente, a memória, que deve esquecer a ofensa, mas sim o coração, fazendo com que os sentimentos olvidem os fatos dolorosos. Por esta razão dizemos que, se ainda houver alguma gota de ressentimento, ainda não há o completo perdão. O ressentimento faz com que voltemos a nos sentir mal, faz com que retornem as mesmas impressões doridas, a mesma mágoa do passado. Ressentir é sentir continuamente, é continuar sentindo algo desagradável, como se as lembranças tristes permanecessem ecoando nas naves amplas do nosso coração indefinidamente.

Assim, para que exista o perdão do coração, faz-se necessário eliminar o ressentimento. Desta forma a memória poderá até lembrar, mas os sentimentos negativos já terão desaparecido, e isso propiciará nossa libertação das vibrações tempestuosas, dos traços de odiosidade que carregamos conosco.

Como, então, fazer sumir o ressentimento? Com a compreensão, com a visão ampliada que o Espiritismo nos dá, mostrando-nos que nada acontece fruto do acaso, que nenhum sofrimento tem a intenção de nos prejudicar, e que, no estágio evolutivo em que estamos, os erros ainda são comuns.

Precisamos compreender as dificuldades dos outros: Precisamos enxergar no ofensor, no inimigo que nos prejudica, uma alma que sofre, um ser que necessita de auxílio.

Nosso orgulho terá dificuldades em aceitar o perdão, pois para ele parecerá fraqueza, humilhação. Porém, com a compreensão mais madura da vida, das vicissitudes, das provas, expiações, nosso coração aceitará melhor, livre dos ressentimentos, atado somente à lição maior do amor ao próximo.

Ouvindo injúrias, recebendo críticas destruidoras e sendo abandonado pelas almas que deveriam amá-lo, Jesus perdoou, exemplificando o conteúdo excelso de sua mensagem. Na perfeição do mestre não havia lugar para o ressentimento...

Queridos amigos!! Independente de sua religião essa mensagem nos faz refletir que só existirá o perdão no momento em que não houver mais o ressentimento. E como diz na mensagem para eliminarmos o ressentimento precisamos ser mais compreensivos, entender mais o próximo. Todos possuímos defeitos, todos estamos em evolução, por isso deixe seu coração aberto e livre-se dos ressentimentos.

Um forte abraço!!
Velho Sábio!!
Veja também:
Quem amarrou seu pára-quedas?
Semana da Páscoa - Tempo de Páscoa
Semana do Natal - Oração
Viver não dói
Parábola A mais bela flor
4 comentários para "O perdão do coração"

13/11/2011  11:16:44
Enviado por Fernanda
Ser humano é erra sempre...

24/06/2011  11:16:20
Enviado por ivanilda
perdão!!!

22/12/2010  10:48:35
Enviado por rosana
errar e humano perdoar e divino

14/12/2010  16:10:23
Enviado por claudio mattos
Um feliz natal.

Deixe seu comentário
   
  * Obrigatório
Seu nome:*
E-mail:*
Cidade:*

Mensagem:*

caracteres:
  Captcha

   
   
   

Administração do Portal