Datas Família Finanças Meio Ambiente Mensagens Outros Pensamentos Relacionamentos Vídeos

A dura decisão de perdoar

06/04/2016


Boa tarde amigas(os)!!

Perdoar é um ato de libertação muito poderoso, mas também muito difícil de realizar.

Reflitam...

Nem sempre estamos dispostos a perdoar, o que o torna uma atitude ainda mais valiosa.

São muitas as circunstâncias que nos levam a perdoar alguém. Talvez tenha provocado uma decepção, talvez tenha feito algum mal… Mas com certeza, perdoar implica muito mais do que pensamos.

O fato de não aceitar o perdão de alguém implica criar sentimentos de rancor pela outra pessoa ou pessoas. Isto não é benéfico para ninguém, já que a pessoa se verá com uma série de emoções negativas sem saber como administrá-las.

A vida se torna muito mais fácil quando você aceita as desculpas que nunca chegaram. Isto se chama perdoar no seu coração.

Perdoe
Muitas vezes pensamos que perdoar a outra pessoa implica dar-lhe razão e concordar com ela. Isto não é verdade. Perdoar não implica dar a razão ao outro, significa se libertar das ataduras da amargura.

Além disso, o perdão é uma decisão totalmente pessoal e independente. Se você cometeu um erro, peça perdão; se você se sente mal por algo negativo que fez, peça perdão. Fica nas mãos da outra pessoa lhe conceder ou não esse perdão. Agora, você precisa ser sincero.

Para entender um pouco mais sobre em que consiste realmente o perdão, perdoar a outra pessoa que fez algo negativo e se arrepende, é preciso saber algo a mais sobre esta atitude “desinteressada”.


Existem pessoas que não perdoam e preferem odiar, porque odiar as faz se sentirem fortes e com controle. Mas ao contrário, perdoar enfrenta a sua dor mais profunda.”
-David Fischman-

Aqui você vai descobrir o que realmente significa perdoar alguém, sem abrigar nenhum ódio, mas também sem esquecer. Aceitar o perdão da outra pessoa deve ser uma atitude libertadora, mas para isso é preciso conhecê-la em profundidade.

Perdoar não é justificar o outro

Quando perdoamos, o fazemos em função do que o outro fez, isto é, não é uma justificativa das suas atitudes. O fato de perdoar a outra pessoa tem muito mais a ver com a sua resposta do que com o que o outro fez.

Perdoar também não é esquecer

As pessoas pensam que uma vez que são perdoadas tudo é esquecido, e isto não é o correto. Foi uma situação difícil, amarga, uma experiência que não se esquece. Mas é preciso não confundir isto com o rancor, pois às vezes, se não perdoamos de verdade, podemos abrigar este sentimento obscuro.

Quando você perdoa, apesar de não esquecer, sente uma paz interior que o liberta e faz você se sentir bem. Não há espaço para o rancor, nem para o ódio. Tudo está em equilíbrio.

Perdoar não é minimizar, e sim sanar essa dor

O objetivo de perdoar alguém é sanar uma dor que nos causou e que inevitavelmente dói. Somos seres emocionais e é normal sentirmos dor. Mas se você perdoar, será como soltar esse alguém que você tinha prisioneiro e você perceberá que esse alguém era você.

Perdoar é uma atitude que permite fechar o passado

Às vezes nos concentramos demais em questões passadas que nos impedem de ver o nosso futuro, e menos ainda de nos concentrarmos em nosso presente.

É por isso que quando perdoamos não abrigamos rancor algum, mesmo não esquecendo, porque estaremos fechando esse passado e olhando para o futuro. Realmente estaremos libertando toda essa emoção negativa que tivermos, porque é normal sentir decepção, dor, frustração, raiva, etc.


“Perdoar é o valor dos corajosos. Somente aquele que é bastante forte para perdoar uma ofensa sabe amar.”
-Mahatma Gandhi-

Você sabe perdoar? Não é qualquer um que é capaz disto, já que é algo que requer força interior, libertação dos medos de voltarem a falhar conosco e de nos decepcionarem.

Sempre haverá na vida alguém que irá ferir você, seja o seu companheiro, seus filhos, sua família, seus amigos… Nunca se esqueça disto. Por isso, é preciso aprender a perdoar, porque você não tem outra opção do que aceitar que as pessoas machucam, e inclusive você mesmo pode fazê-lo a outras pessoas (talvez sem querer) e desejará ser perdoado.

fonte: a mente é maravilhosa
Veja também:
Ocupe-se
Quinze dicas para um bom inter-relacionamento
A alegria da tristeza
Viva com determinação
A vida é muito curta para ter o trabalho errado
0 comentários para "A dura decisão de perdoar"

Deixe seu comentário
   
  * Obrigatório
Seu nome:*
E-mail:*
Cidade:*

Mensagem:*

caracteres:
  Captcha

   
   
   

Administração do Portal